sexta-feira, 27 de novembro de 2009

Navegar é Preciso!

Esse ano, eu (Guto) tive a oportunidade de viajar bastante em função do nosso trabalho aqui na Cartunaria. Além de diversos "bate-volta" a SP para tratar de alguns trabalhos e das nossas participações no PIC e no Pitching da Cartoon Network (ambas registradas nesse blog), as viagens mais bacanas que fiz ficaram reservadas para o segundo semestre.
Em setembro, participei no Rio do Fórum Pensar a Infância, numa programação do FICI (Festival Internacional do Cinema Infantil), onde debatemos sobre a produção de audiovisual voltado para o público infantil. Foram 2 ou 3 dias muito bacanas com mesas muito interessantes, tudo acontecendo no Instituto Moreira Salles, um lugar sensacional que merece ser visitado quando se for ao Rio. Fiquei muito impressionado com a dedicação da equipe do Festival que está de parabéns pela paixão que colocam nesse projeto.

Falando sobre conteúdo infantil, com mediação do César Cabral

Aproveitei ainda essa mesma estadia na cidade maravilhosa pra visitar o Copa Studio, um estúdio de animação dos brothers Zé e Soldado. Tive a oportunidade de assistir alguns minutos do projeto deles pro AnimaTV, o "Tromba Trem" e saí de lá com uma ponta de inveja, hehe...

Visita ao Copa Studio

Em outubro foi a vez de ir ao Canadá participar do TAC (Television Animation Conference) com a comitiva brasileira organizada pelo BTVP. Foi minha primeira viagem internacional e a experiência de poder testar meu inglês de sitcom e conhecer um lugar tão comentado no nosso mercado foi demais. O melhor de tudo é dar as caras com projeto embaixo do braço lá na casa dos gringos, muitos deles que a gente já conhecia de eventos aqui no Brasil. Esse tipo de coisa faz com que eles comecem a acreditar que a gente é mais sério do que parece.
_

Salão principal do TAC, onde o café da manhã já servia pra networking

Reunião com Jacques Bensimon em um dos muitos cantos do Chateau Laurier (TAC)

O itinerário da viagem ainda contou com uma visita ao National Film Board, que nas palavras do Jacques Bensimon é um "paraíso para animadores", onde tivemos a oportunidade de assistir a uma projeção de filmes 3-D, tecnologia que o NFB pesquisa há anos e que, devo dizer, me impressionou mais que alguns filmes que vi no Cinemark.

NFB! (é como um torcedor de futebol inglês tirando foto no maracanã)


Sessão 3D vip pra nossa comitiva

A qualidade da foto tá ruim, mas não podia faltar

Fim de visita

Sede do NFB no centro de Montreal onde funciona a loja deles e o Cinirobotheque

Passa a régua! Sérgio Martinelli, Eu (Guto), Jonas Brandão, Zé Brandão, Juliano Teixeira e amigos tomando a saideira no Highlander Pub de Ottawa

Pra mim, que descobri recentemente um certo medo de avião, admito que as muitas horas que passei em trânsito nesse ano valeram demais.

domingo, 22 de novembro de 2009

E Agora, Mamãe?

Em outubro o pessoal da RBS TV pediu pra gente criar uma personagem em desenho animado da repórter Shirlei Paravisi pra uma matéria sobre o Dia Internacional da Animação que foi exibida no Jornal do Almoço, e como ela estava grávida, a bonequinha tinha que estar também. Eles curtiram tanto o desenho que acabaram usando ele na série de reportagens “E Agora, Mamãe?”, projeto sobre as descobertas da maternidade desenvolvido pela própria Shirlei. Além das matérias que vão ao ar no JA, a personagem aparece no blog http://wp.clicrbs.com.br/eagoramamae/ , onde a Shirlei compartilha suas experiências com as mamães de primeira viagem!!

video

sexta-feira, 13 de novembro de 2009

TREZE

Mais um pra galeria dos “projetos que não foram pra frente”!! Como hoje é sexta-feira 13, lembrei desse projeto que tava guardado no porão da Cartunaria com uma grossa camada de poeira por cima, a idéia era fazer uma animação onde os monstros clássicos dos filmes de terror, principalmente dos anos 80, apareciam em versão mirim, uma homenagem aos filmes trash e uma tiração de sarro daqueles desenhos que transformam em crianças personagens consagrado (Muppet Babies, Flinstones nos Anos Dourados, etc). Os personagens principais, obviamente, eram Jason e Fred Kruger, colegas de escola que faziam parte da famosa turma do fundão. Tinha também um morto-vivo adolescente, conhecido como menino-caveira, com vermes no lugar das espinhas e que comia cérebros na merenda, todos eles repetentes da “Sexta-série 13”!!

segunda-feira, 9 de novembro de 2009

Link O Retorno de Saturno

Todos os filmes produzidos pro Histórias Curtas vão direto pro site ClicRBS depois de irem ao ar. Então quem não conseguiu assistir O Retorno de Saturno na TV pode conferir no link ali do lado, onde estão nossos curtas.
_
A idéia desse curta surgiu há muitos anos, mas no início a história era só uma sucessão de desastres na vida de um cara azarado, sem muita explicação. Só quando fiquei sabendo da existencia do transito astrológico do título que caiu a ficha de que aquele personagem devia estar passando pelo Retorno de Saturno. Nesse meio tempo o roteiro foi mudando e ficando bem diferente do original, inclusive passando por versões em longa-metragem e live action. O estilo da arte também mudou bastante, essas ilustrações são esboços desse período de mutação. O desenho aí em cima é meu (Lisandro), tentando dar uma cara pros personagens, os outros são do Gabriel Renner, um desenhista fodão que a gente chamou pra fazer direção de arte depois de assistir o “Paradoxo da Espera do Ônibus”, um curta com quase nada de animação, mas muito bem sacado: http://www.youtube.com/watch?v=Ibow_K7fqF0
_

Rascunhei algumas cenas e pedi pro Gabriel redesenhar no estilo dele, e ele fez esses layouts bacanas pra gente inscrever o projeto num dos vários editais que participamos e não fomos selecionados. Antes de inscrever no Histórias Curtas, que difere de outros editais por já estipular a data de entrega do trabalho, achamos que essa arte era difícil de ser seguida num prazo de produção tão apertado, então a solução foi não arriscar e seguir o estilo que já tinha funcionado no X-Coração. O resultado final do Retorno de Saturno, como vocês podem perceber, acabou ficando bem diferente dessa proposta inicial, mas pelo menos fica aí o crédito e o agradecimento ao Gabriel pela parceria. Segue o link pro blog do magrão: http://www.estudiopinel.com/